Salada de Outono

Trad_Regua_postsAbril_02.png

INGREDIENTES:

• 2 colheres de sopa de Gergelim branco Fujiyama 
• 2 xícaras de cenouras em tiras
• 2 xícaras de acelga em tiras
• 2 xícaras de couve em tiras
• 2 xicaras de repolho verde em tiras
• 2 xícaras de repolho roxo em tiras
• 2 xícaras de alface americana em tiras
• 1 cebola roxa fatiada
• 1/2 dente de alho
• 1 colher de sopa de mostarda
• 300 ml de maionese
• Suco de 1 limão
• 1/4 xícara de salsinha
• 1/4 xícara de cebolinha
• 1/4 xícara de azeite
• Sal a gosto

MODO DE PREPARO:
Bata a maionese com a cebolinha, a salsa, o alho, o limão, o azeite e a mostarda. Combine o restante dos ingredientes e envolva no molho. Sirva em seguida.

 

Anúncios

PETIT GATEAU COM CALDA DE NIGORI

29243884_981408875343435_5117401740173377536_n.png

Ingredientes
• 1 xícara (chá) açúcar
• 1 xícara (chá) farinha de trigo
• 1/2 xícara (chá) cacau em pó
• 2 caixinhas creme de leite
• 500 g chocolate meio amargo
• 6 claras de ovo (bater em neve)
• 12 gemas de ovo
• 10 formas untadas com margarina sem sal
Calda
• 1 xícara (chá) açúcar refinado
• 1 xícara (chá) água
• 1/2 xícara (chá) Sake Hakushika Junmai Nigori
• 1 colher (sopa) gengibre
• 1/2 colher (sopa) limão
• Corante vermelho para alimentos

Modo de preparo: Bata as claras até ficar em neve. Coloque as gemas e misture até ficar uma massa homogênea. Acrescente o cacau em pó e o açúcar. Misture. Derreta o chocolate e acrescente-o na massa. Misture. Coloque o creme de leite e misture novamente. Por último, a farinha de trigo (não misture muito, somente o necessário para desaparecer os grumos). Coloque a massa nas forminhas e deixe-as na geladeira (mínimo de 12 horas) para a massa descansar e pegar consistência (validade de 7 dias) ou coloque-as no freezer (validade 90 dias).
Modo de assar: Coloque o bolo em um forno elétrico a 250ºC ou 300ºC pré-aquecido e observe até a borda assar, enquanto o centro deve continuar mole (mal assado). Desenforme o Petit Gateau ainda quente em um prato e sirva-o com uma bala de sorvete de creme e a calda por cima.
Calda: Coloque todos os ingredientes em uma panela – menos o limão – e misture em fogo médio. Quando começar a ferver, acrescente o limão e desligue o fogo. Deixe esfriar e coloque, com ajuda de um palito de dente, o corante.

White Day – 2º Dia dos namorados no Japão

29135927_979625465521776_3853396086186049536_n

BOA PEDIDA PARA COMEMORAR ESTE DIA É HARMONIZAR SAKURA L’ORIENT COM CHOCOLATE MEIO AMARGO.

O Japão é um país privilegiado em muitas coisas, até em relação ao Dia dos Namorados, pois possui dois: O Valentine´s Day, no dia 14 de fevereiro e o White Day, comemorado no dia 14 de março. No Valentine´s Day, o costume é as mulheres presentearem os homens com chocolate.
Já no White Day (Dia Branco), é a vez dos homens retribuírem, dando às mulheres, chocolate branco, cookies ou doces com marshmallow. Se for para a mulher amada, os homens podem dar outros tipos de presentes como roupas, lingerie ou até joias. O White Day é uma data inventada por uma fábrica de marshmallow no Japão em 1978 e era conhecido originariamente como o “Dia do Marshmallow“. Somente depois de alguns anos, que resolveram mudar para “White Day” (Dia Branco). No Japão, o hábito de retribuir chocolates no Valentine´s Day e White Day já faz parte da cultura e é tido como uma obrigação social. Não participar da troca de chocolates, pode ser interpretado como deselegância pelos japoneses.

VOCÊ SABIA??? ALGA NORI

28661343_975000489317607_5732299440815300214_n.png

• No País de Gales, o nori é usado para fazer uma espécie de pão.
• O Japão é o país que mais consome algas e lá elas são classificadas através de um padrão de qualidade, da mesma forma como é feito com carne e laticínios nos EUA.
• No começo, o termo nori era utilizado para vários tipos de algas.
• A alga Nori é rica em vitamina A, C, B2 e ácido fólico e é ainda fonte de potássio e ferro. Tem um baixo teor em gordura e destas, mais de 60%, são ácidos graxos poliinsaturados ómega 3 e ómega 6.
• Devido ao seu elevado teor em ácido fólico, a alga nori, contribui para a síntese normal dos aminoácidos e para a formação normal do sangue. Também o teor em vitamina B2 tem um papel fundamental na manutenção dos glóbulos vermelhos do sangue

Fonte: USDA National Nutrient Database for Standard Reference, Release 24, December 2011

Cogumelos Shiitake recheados com Cream Cheese

28468312_971525252998464_6847984402927677291_n.png

Ingredientes:

– 150 g de Cream Cheese
– 200 g de cogumelos do tipo Shiitake Fujiyama
– 1 colher (sopa) de shoyo para cada cogumelo
– Cebolinha picada para finalizar

Modo de preparo:

Hidratação Shiitake: Em uma vasilha com água, coloque o Shiitake por cerca de 30 min. ou até ficar macio. Corte o pedaço do cabo da base do Shiitake. Preencha o espaço com uma colherada de Cream Cheese, espalhando-o até as bordas. Leve ao forno médio (180°C) por 20 minutos.
Salpique cebolinha picada, shoyo a gosto e sirva ainda quente.

Rendimento: 04 porções | Tempo: 45 minutos

Molho de Shiitake

28279815_969326109885045_1816021655394135985_n.png


Ingredientes:
1/3 de xícara (chá) de Cogumelos Shiitake Fujiyama
1/2 xícara (chá) de água quente
2 colheres (sopa) de manteiga
1 colher (sopa) de farinha de trigo
2/3 de xícara (chá) de leite
1/3 de xícara (chá) de creme de leite
Sal e pimenta-do-reino a gosto
Salsa e parmesão para polvilhar

Modo de preparo:
Deixe os cogumelos de molho na água quente por 15 minutos. Escorra, reserve a água, pique os cogumelos Shiitake Fujiyama e refogue por 5 minutos na manteiga derretida. Adicione a farinha e cozinhe por 2 minutos mexendo. Acrescente o leite e a água reservada, aos poucos, mexendo sempre para não empelotar. Desligue o fogo, junte o creme de leite e tempere com sal e pimenta. Misture à massa de sua preferência, polvilhe com salsa e sirva em seguida.

Tempo: 15min (+15min de descanso)
Rendimento: 4
Dificuldade: fácil

9 saquês que você precisa experimentar

27973294_967529973397992_3315261067886409619_n.png

Saiu uma entrevista na Gq.globo.com sobre “9 saquês que você precisa experimentar”, dentre estes, está o Hakushika Namachozo Ginjo e Hakushika Gold. As recomendações foram feitas pelo famoso DJ Dubfire, mega entendido no fermentado japonês:
“Com uma longa e ilustre carreira de mais de duas décadas como DJ, o iraniano Ali Shirazinia – ex-integrante do duo Deep Dish e conhecido mundialmente como Dubfire – é especialista em saquê, com diploma reconhecido pela The Sake Education Council (primeira organização em linguagem inglesa criada para promover o saquê fora do Japão).

A seguir, as indicações do fermentado japonês que ele mais aprecia. ”
Hakushika Gold
“Sake Junmai, com polimento de 30% com um perfil mais encorpado.”
Hakushika Tokusen Ginjo Namachozo
“Da província de Hyogo, é um Namachozo maturado como um saquê não pasteurizado e, depois, pasteurizado apenas uma vez antes de ser transportado. Toque refrescante. ”

http://gq.globo.com/Prazeres/Bebidas/noticia/2017/07/9-saques-que-voce-precisa-experimentar.html